Endocrinologista confirma: distúrbios hormonais podem causar acne

Endocrinologista confirma: distúrbios hormonais podem causar acne

Image

A Acne, mais conhecida popularmente como espinhas e cravos, pode ser um problema simples mas acaba causando muita dor de cabeça na hora de preparar o visual.

É claro que uma espinha ou outra de vez em quando é algo muito comum, especialmente na adolescência. Na verdade, a Acne pode ser considerada um dos problemas de pele mais comuns. Apesar disso, em algumas situações, podem ter relação direta com problemas hormonais.

Nesse artigo, iremos explicar um pouco sobre como a chamada acne vulgaris, ou simplesmente acne, ocorre e como prevenir o seu aparecimento.

Mas o que afinal é a Acne?

Acne é o nome de uma condição específica que ocorre na pele quando corpo produz excesso de sebo, uma oleosidade que impede a pele de secar, criando um acúmulo de pele morta dentro de um poro.

Desse aglomerado, uma lesão pode aparecer e aí encontramos aquelas surpresinhas ao olhar no espelho de manhã.

Essas lesões podem ser de vários tipos, com nódulos, cistos ou pústulas que se abrem na base dos pelos. Esses tipos podem ocorrer especialmente quando bactérias estão envolvidas no aparecimento da acne, causando uma inflamação na pele.

Quando a Acne tem causas hormonais?

Na verdade, toda Acne pode ser considerada de base hormonal. A alta incidência desse distúrbio na adolescência tem relação com a produção do hormônio testosterona, que cresce muito na puberdade.

A testosterona é responsável pela produção do excesso de óleos que servem para lubrificar nossa pele.

No caso específico das mulheres, mudanças hormonais relacionadas a gravidez e ao ciclo menstrual podem também ser um gatilho para gerar acne. A queda dos níveis de estrogênio na fase da menopausa pode também gerar a acne.

Além disso, distúrbios que modificam a produção de hormônios, como a síndrome do ovário policístico, podem ter relação com o aparecimento da acne.

Dicas para cuidar da acne

As dicas a seguir podem ajudar a prevenção e a melhora do quadro de Acne, quando em níveis pouco graves.

- Na hora de lavar o rosto (nunca mais de duas vezes ao dia) é importante manter um movimento gentil e sempre usar sabonetes neutros. Além disso, evite o uso de água quente, prefira a morna.

- Não use esfoliantes intensos.

- Evite ou não exagere na maquiagem. Outra opção é procurar por produtos cosméticos “não-comedogênicos”.

- Essa é a uma das mais difíceis de seguir para quem sofre com a Acne: evite apertar, espremer e esfregar as formações. Isso pode gerar inflamação e piorar o seu caso.

Uma pessoa que sofre com Acne pode considerar que é preciso retirar o óleo do rosto para evitar o seu aparecimento. Se você exagerar na lavagem do rosto, a situação pode piorar, já que a pele irá responder produzindo mais e mais óleo para manter a pele hidratada, o que irá piorar a Acne.

Em casos graves, busque ajuda médica

Se você perceber um aumento acentuado de Acne no rosto, seu corpo pode estar sinalizando uma questão hormonal e o exame médico pode te ajudar. Especialistas em endocrinologia e dermatologia são os mais recomendáveis nesse quadro.

Conheça o Instituto Maieve Corralo!

Voltar para a listagem

Agende uma Consulta

Agendar Agora